PORTOS OFICIAIS DE GUAJARÁ-MIRIM E GUAYARAMERIN/BO VOLTAM A FUNCIONAR NESTA QUINTA-FEIRA

Compartilhar:


O transporte aquaviário d e pessoas pelos portos oficiais da duas cidades-gêmeas, Guajará-Mirim/RO, Brasil, e Guayaramerín-Beni/Bolívia, volta a funcionar após restrição temporária durante a pandemia. Apenas moradores das duas cidades vizinhas poderão atravessar a fronteira.

Após uma Resolução Multiministerial publicada dia 1º, terça-feira, pelo Ministério das Relações Exteriores da Bolívia anunciando a liberação das fronteiras nas cidades que possuem limites geográficos com o Brasil, sendo cinco cidades: Cobija, Guayaramerin, San Matias, Puerto Suarez e Puerto Quijarro, a reciprocidade foi determinada pela delegada de Polícia Federal em Guajará-Mirim, Danielle de Abreu Candez, nesta quarta-feira, 02, por meio de ofício as autoridades locais informando a liberação do Porto Oficial do município para a entrada de moradores da cidade vizinha, limitando assim a permanência dos mesmos apenas no município de Guajará-Mirim, ficando proibido a circulação em outras cidades do Estado.

Os estrangeiros devem apresentar comprovante de residência ou qualquer documento que comprove sua moradia na cidade de Guayaramerin e a entrada deve ser pelo Porto Oficial, onde há o controle da Receita Federal do Brasil e o Posto Migratório da Polícia Federal. 

No caso de estrangeiro circular em outra localidade do Estado, estará sujeito a responsabilização civil, administrativa e penal, além da repatriação ou deportação imediata, profissionais como taxistas ou Uber, assim como empresas de ônibus que estejam transportando um estrangeiro para fora do município de Guajará-Mirim também sofrerão infração administrativa na Lei de Migração, destacou a Delegada Danielle.

A empresa de negação na região está prevista a voltar a funcionar às 9h30min desta quinta-feira, 03, após os trâmites legais.

 Fonte: O MAMORÉ

 

Nenhum comentário