O PRIMEIRO ADMINISTRADOR DE NOVA MAMORÉ JOÃO FRANCISCO CLÍMACO RECEBE O GOVERNADOR DO ESTADO, CEL. JORGE TEIXEIRA DE OLIVEIRA

Compartilhar:

 

No início da década de 1980, o primeiro administrador do distrito de Vila Nova, João Francisco Clímaco, recebe na recém inaugurada quadra de esportes da Escola Estadual Casimiro de Abreu, o último governador do Território Federal de Rondônia e o primeiro no novo estado, o coronel do Exército  Jorge Teixeira de Oliveira ( governou Rondônia de 10 de abril de 1979 a 4 de janeiro de 1982).

Ao lado esquerdo, vê-se mais um bloco da escola sendo construído e ao fundo o barracão da antiga Companhia Brasileira de Armazenamento de produtos agrícolas (Cibrazem), onde até pouco tempo atrás funcionava o mercado municipal.  Hoje, nos arredores do local, encontram-se  localizadas duas agências bancárias (Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal), uma escola privada (Centro Educacional Paulo Freire) e duas das mais importantes lojas do município (Gazin e Novalar), além de lojas de roupas,  papelaria, clínica médica (Clínica Médica Menino Jesus), agência de turismo (Mamoré TUR), consultório  odontológico (Consultório Odontológico Dra. Gabriela Jochem), padaria, oficina de bicicletas entre  outros importantes empreendimentos.

Toda a área geográfica urbana do município de Nova Mamoré e boa parte da área rural, pertencia ao João Francisco Clímaco, herança de seu pai, o seringalista Sebastião João Clímaco que residia em Vila Murtinho. João Francisco Clímaco, um político perspicaz e empreendedor visionário, assentou a pedra fundamental  de Nova Mamoré, doando  áreas de sua propriedade para a construção de prédios públicos (Escola Estadual Casimiro de Abreu, Unidade Mista Antônio Luis de Macedo, Cibrazem, entre outros), além da área área pertencente à Paróquia São Francisco de Assis.

Através destas ações de homem público e empreendedor arrojado (primeiro grande pecuarista de Nova Mamoré), João Francisco Clímaco, abriu caminho para que poucos anos depois e através da ação conjunta de outras lideranças  locais ( Floriano, Victorino, Acrísio Barbosa dos Santos, José Brasileiro Uchôa, Antônio Lucas de Araújo e Francisco Fernandes Pinto),  Nova Mamoré alçasse à categoria de Município em 1988.

Autor: Simon O. dos Santos – Escritor

Foto: Arquivo da família

 

Nenhum comentário