APENADO INVADE CASA DA EX-MULHER E É MORTO POR POLICIAL MILITAR

Compartilhar:


O monitorado por tornozeleira Francisco Alves Brasil Filho, de 39 anos, foi morto a tiros na tarde deste domingo após invadir uma residência e tentar matar a golpes de faca o cabo da Polícia Militar identificado apenas como Fugita. O crime aconteceu na Rua Lírio, Bairro Cohab , na Zona Sul de Porto Velho.

De acordo com a Polícia, Francisco chegou na casa do pai da ex-esposa pilotando uma motocicleta, estacionou, e pulou o muro da residência.

Armado com uma faca, o homem invadiu a sala da casa onde estava a ex-esposa e os filhos dela, e a puxou pelos braços. O cabo tentou defender a namorada, mas foi esfaqueado no rosto e no abdômen. Ele teve o pulmão perfurado.

Ferido, Fugita sacou sua arma e efetuou três disparos contra Francisco, que morreu na hora. O policial foi socorrido por uma viatura até o Pronto-Socorro João Paulo ll.

Ainda de acordo com a Polícia, Francisco era monitorado por tornozeleira eletrônica respondendo pelo crime de tráfico de drogas. A mulher tinha uma medida protetiva contra ele.



Fonte: Rondoniagora

Nenhum comentário