JOVEM É PRESO COM PLANTAÇÃO DE PÉS DE MACONHA, ELE TAMBÉM É SUSPEITO DE VENDER DROGA A ESTUDANTES

Compartilhar:


Operação “anjos da lei” desencadeada na manhã desta terça-feira (13) composta por policiais do Sevic da Policia Civil de Guajará-Mirim, para combater o tráfico de drogas nas proximidades de escolas ou até mesmo dentro dela, a operação mobilizou uma equipe de Policiais Civis.

A operação teve a participação de 17 Policiais Civis e foram cumpridos cerca de quatro mandados de busca e apreensão em diversas residências, suspeitas da venda de drogas a estudantes, quatro suspeitos foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil de Guajará-Mirim.

Foram apreendidos entorpecentes, aparelhos celulares, dinheiro e realizada a prisão do foragido de justiça Marcelo Garcia de Souza Costa, vulgo Marcelinho, que tentou enganar os Policiais dando o nome falso de Francisco Marcelinho tem 12 anos de pena para cumprir.



Durante a operação foi localizada em uma residência localizada no bairro planalto, 05 pés de maconhas denúncias anônimas apontavam como um local que funcionava como possível local de consumo de drogas, e o proprietário dos pés de maconha responderá pelo delito tipificado no artigo 28, § primeiro da lei de tóxicos (Quem adquirir, guardar, tiver em depósito, transportar ou trouxer consigo, para consumo pessoal, drogas sem autorização ou em desacordo com determinação legal ou regulamentar será submetido às seguintes penas: § 1o Às mesmas medidas submete-se quem, para seu consumo pessoal, semeia, cultiva ou colhe plantas destinadas à preparação de pequena quantidade de substância ou produto capaz de causar dependência física ou psíquica)

“A Polícia Civil do município de Guajará-Mirim tem atuado para combater quaisquer práticas criminosas e para isso é muito importante  o apoio da população que pode ligar no fone 3541-2424 ou mesmo da Policia Militar (190) e realizar sua denúncia anonimamente e, assim, contribuindo para diminuir a criminalidade no município.

Fonte: Portal Guajará.
Repórter Flaviano Sales




Nenhum comentário