PRF PRENDE HOMEM COM PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO NA LINHA DA CONQUISTA

Compartilhar:


Nesta quarta – feira, 24, compareceu na Delegacia de Polícia Civil de Nova Mamoré/RO uma Equipe da Polícia Rodoviária Federal em atividade da Operação - ÉGIDE - Fronteira AC/RO, no dia 22 de outubro de 2018, por volta das 17h00, a equipe em fiscalização na BR-425, no distrito do Araras recebeu uma informação anônima que (02) duas motocicletas que haviam sido furtadas no dia anterior nas proximidades da Vila da Penha estariam na posse do nacional João Batista Caminha Neto conhecido pela alcunha de "JB" e do indivíduo conhecido pela alcunha de "Cowboy".

E que as motocicletas estariam em uma casa de propriedade da pessoa conhecida por “Marciane”. No local nada foi encontrado, porém nova informação de morador local dava conta que JB e Cowboy estariam na linha Conquista, no Bar da Viúva, que seria a sogra de JB.

No local não foram encontrados os indivíduos apontados pelo informante e nem as motocicletas, porém a senhora Claudineia, proprietária do bar, informou o nome de JB, como sendo João Batista Caminha Neto, não sabendo informar o nome de Cowboy.

Informou que ambos estiveram naquele local em uma motocicleta e que Cowboy portava uma arma de fogo. No bar da senhora Claudineia, foi encontrado Adriano R. M., 25 anos, sendo encontrado na sua posse 02 (duas) armas de fogo, sendo: 01 (uma) espingarda, sem marca aparente, calibre 28, com 01(um) cartucho marca Velox carregado e 01 (um) revolver, sem marca aparente, calibre 32, oxidado, cabo de madeira, com 05 (cinco) cartuchos da marca CBC carregados.

Submetido a entrevista preliminar, Adriano declarou que adquiriu as armas de terceiros porque sua cunhada de nome Carla é amasiada com JB e que este havia ameaçado a mesma de morte. Declarou temer JB e que o mesmo transita direto na Linha Conquista.

Declarou não possuir registro e nem porte das armas que foram encontradas na sua posse. Diante do exposto Adriano foi conduzido e apresentado na DPC em Nova Mamoré juntamente com as armas e munições apreendidas.

Fonte: Mamoré Agora

Nenhum comentário