[SECA] RIO MADEIRA CHEGA A 2,42 METROS, NÍVEL MAIS BAIXO REGISTRADO NESTE ANO

Compartilhar:
O Rio Madeira atingiu a menor cota já registrada neste ano, 2,42 metros, na manhã desta sexta-feira (21), segundo informações da Defesa Civil de Porto Velho. Segundo o diretor do órgão, Marcelo Santos, o nível do rio está 1,25 centímetros abaixo em relação ao mesmo período registrado em 2017, quando a marca era de 3,74, devido a um repiquete.

De acordo com o diretor, as duas maiores vazantes dos últimos 50 anos foram registradas em 2005 quando o nível chegou a 1,56 metros e 2015, com 1,98.

Para evitar que acidentes aconteçam, a Defesa Civil continua fazendo o monitoramento nas margens do rio, mas a responsabilidade é da Marinha do Brasil que já proibiu a navegação noturna desde o dia 5 de agosto. “Nós auxiliamos a Delegacia Fluvial orientando os ribeirinhos sobre os cuidados que eles precisam ter ao descerem os barrancos e sobre as atividades de embarcações que levam as crianças para a escola”, esclarece o diretor.
Na região do Baixo e Médio Madeira, as equipes do órgão estão sinalização onde há riscos de desbarrancamento para que o morador consiga identificar através de placas que local é perigoso.

O diretor orienta os proprietários de embarcações que evitem navegar durante a noite, pois nessa época do ano começam surgir pedras e bancos de areia. “Infelizmente essas restrições acabam prejudicando as navegações que transportam grãos geralmente reduzem o transporte em 50% nessa época por causa dos perigos, mas isso tem que ser feito para evitar que acidentes aconteçam”, diz.

“Nós temos um prognostico que semana que vem podem ocorrer chuvas na capital fazendo com que o Rio Madeira aumente, mas se não isso não acontecer o rio vai continuar baixando”, finalizou Marcelo afirmando que poderá ser decretado estado de emergência se a cota chegar a 1,56 metros.

Fonte Rondoniagora

Nenhum comentário